quinta-feira, 25 de novembro de 2010


É DIFICIL voltar a escrever aqui. Olhos com lágrimas, coração apertado, milhôes de pensamentos voando aqui sem parar. Se eu pudesse expressar tudo o que eu estou sentindo em palavras, esse blog não daria conta. Confesso que muitas vezes tinha preguiça de voltar a criar um novo post, mas na maioria das vezes eu não tinha tempo. Está no fim de um semestre na facul, e essa época é de total correria, fora o "prato principal" que esteve na minha mesa por todo esse tempo longe daqui: O ESPETÁCULO! Foi simplismente lindo! Eu gostaria que todas as pessoas que eu amo estivessem lá para ver aquele momento único, lindo e especial na minha vida. Pessoas importantes estiveram lá, e o mais importante foi a presença do meu papai do céu naquele lugar. Ele me ajudou, me deu forças para enfrentar cada barreira, cada desafio para subir naquele palco. Devo agradecer em primeiro lugar a ELE, único e verdadeiro merecedor de toda glória, honra e prestígio. Você pode estar se perguntando, mas foi apenas um espetáculo de dança? Mas para mim foi mais do que isso. Já dancei outras vezes, mas dessa vez foi completamente diferente. "O contador de histórias" foi realizado no teatro positivo, nesse sabadoagora que passou (20), eudancei simplismente quatro coreografias, dentre elas um Ballet (pontas,que sonho).Suei, dancei... Meu corpo ficava dolorida. Meus pés não aguentanvam mais todo aperto das sapatilhas. Mas valeu a pena. Cada momento junto com cada amiga, parceira e irmãs. Agradeço a todas, sem exceção. Apesar de conhecer pouco algumas, elas foram totalmente necessárias para que tudo isso acontecesse. Foi muito bom, conhecer um pouco de cada bailarina, cada ator, produtor que deram tudo de si para levar uma mensagem pura e simples, que alegrou o coração dele, e falou com várias pessoas naquele lugar. Espirito de fámilia. Foi bom sentir isso.

Subir no palco é sempre um desafio. A ansiedade, as mãos suadas, sentir cada músculo do corpo se movendo levemente devagar e rápido ao mesmo tempo.A música se unindo a cada movimento,cada passo cada olhar. A sensação é unica. As luzes, os aplausos do público, como fim de uma orquestra de gratidão ao criador.Abraços.





2 comentários:

Anônimo disse...

Você foi resumidamente Espetacular e/ou incrível. Naquele momento eu estava onde exatamente queria estar. O espetáculo foi mt bom, mas por ser ligado a vc por vários sonhos "loucos" que temos, ver um deles mais do que realizado, ali ao vivo, foi algo que nunca esquecerei. Sem palavras para expressar toda a admiração que tenho por você! E, eu, nem preciso me identificar.

Emily Santos disse...

Todos os seus espetáculos foram maravilhosos, e eu estou amando comentar no seu blog né? huashsuahusha Te Amo Prima !

Postar um comentário

 

Template by Suck my Lolly